16 de dez de 2013

Música da Semana: ...Speak the words I wanna hear to make my demons run ♪♫

Quem anda acompanhando o blog recentemente, deve ter percebido meu pequeno vício pela música The Unforgiven II do Metallica. Então, não podia deixar de posta-la aqui ^^
Bom, The Unforgiven II é a segunda faixa do disco ReLoad, de 1998...


É a sequência de The Unforgiven do álbum Metallica, mais conhecido como "The Black Álbum".
Muitos fãs acreditam que essa música seja a melhor do album (eu concordo u-u), porém é pouco tocada pela banda em seus shows (ç.ç)
A música fala bastante sobre assuntos naturais, como a escuridão. Possui uma letra muito abrangente, onde é tratado temas como solidão, medo e conflitos pessoais... 

(James seduz demais nesse clipe :3)

The Unforgiven II
Lay beside me
Tell me what they've done
Speak the words I wanna hear
To make my demons run
The door is locked now
But it's open if you're true
If you can understand me
Then I can understand you

Lay beside me
Under wicked sky
Through black of day
Dark of night
We share this paralyse
The door cracks open
But there's no sun shining through
Black heart scarring darker still
But there's no sun shining through
No, there's no sun shining through
No, there's no sun shining

What I've felt
What I've known
Turn the pages
Turn the stone
Behind the door
Should I open it for you?

Yeah
What I've felt
What I've known
Sick and tired
I stand alone
Could you be there
'Cause I'm the one who waits for you
Or are you unforgiven too?

Come lay beside me
This won't hurt, I swear
She loves me not
She loves me still
But she'll never love again
She lay beside me
But she'll be there when I'm gone
Black heart scarring darker still
Yes, she'll be there when I'm gone
Yes, she'll be there when I'm gone
Dead sure she'll be there

What I've felt
What I've known
Turn the pages
Turn the stone
Behind the door
Should I open it for you?

Yeah
What I've felt
What I've known
Sick and tired
I stand alone
Could you be there
'Cause I'm the one who waits for you
Or are you unforgiven too?

Lay beside me
Tell me what I've done
The door is closed, so are your eyes
But now I see the sun
Now I see the sun
Yes, now I see it

What I've felt
What I've known
Turn the pages
Turn the stone
Behind the door
Should I open it for you?

Yeah
What I've felt
What I've known
So sick and tired
I stand alone
Could you be there
'Cause I'm the one who waits
The one who waits for you

Oh
What I've felt
What I've known
Turn the pages
Turn the stone
Behind the door
Should I open it for you?

Oh, what I've felt
Oh, what I've known
I take this key
And I bury it in you
Because you're unforgiven too

Never free
Never me
'Cause you're unforgiven too

O Imperdoável II
Deite-se ao meu lado
Diga-me o que eles fizeram
Diga as palavras que eu quero ouvir
Para fazer meus demônios fugirem
A porta está trancada agora
Mas, está aberta se você for sincera
Se você puder entendeu o eu
Então, eu posso entender você

Deite-se ao meu lado
Debaixo dos céus malignos
A negridão do dia
A escuridão da noite
Nós compartilhamos essa paralisia
A porta se quebra
Mas não há nenhum raio de sol através dela
Coração negro cicatrizado permanece obscuro
Mas não há nenhum raio de sol
Não, não há nenhum raio de sol
Não, nenhum raio de sol

O que eu senti
O que eu soube
Vire as páginas
Vire as pedras
Atrás da porta
Eu devo abri-la pra você?

Yeah
O que eu senti
O que eu soube
Doente e cansado
Eu permaneço sozinho
Você poderia estar lá
Porque eu sou aquele que espera por você
Ou você é imperdoável também?

Venha deitar-se ao meu lado
Isso não machucará, eu juro
Ela não me ama
Ela ainda me ama
Mas ela nunca vai amar de novo
Ela se deita ao meu lado
Mas ela estará lá quando eu me for
Coração negro cicatrizado permanece obscuro
Sim, ela estará lá quando eu me for
Sim, ela estará lá quando eu me for
Morto, certo de que ela estará lá

O que eu senti
O que eu soube
Vire as páginas
Vire as pedras
Atrás da porta
Eu devo abri-la pra você?

Yeah
O que eu senti
O que eu soube
Doente e cansado
Eu permaneço sozinho
Você poderia estar lá
Pois eu sou aquele que espera por você
Ou você é imperdoável também?

Deite-se ao meu lado
Diga o que eu fiz
A porta está fechada, assim como seus olhos
Mas agora eu vejo o sol
Agora eu vejo o sol
Sim, agora eu o vejo

O que eu senti
O que eu soube
Vire as páginas
Vire as pedras
Atrás da porta
Eu devo abri-la pra você?

Yeah
O que eu senti
O que eu soube
Doente e cansado
Eu permaneço sozinho
Você poderia estar lá
Pois eu sou aquele que espera
Aquele que espera por você

Oh
O que eu senti
O que eu soube
Vire as páginas
Vire as pedras
Atrás da porta
Eu devo abri-la pra você?

O que eu senti
O que eu soube
Eu pego esta chave
E eu a escondo em você
Porque você é imperdoável também

Nunca livre
Nunca eu mesmo
Porque você é imperdoável também

8 comentários:

  1. Eu gostava demais dessa música, mas nunca consegui ouvir muito por achar meio baladinha...
    Acho que é porque gosto demais do ...And Justice For All \,,/
    Boa escolha.

    Que o metal esteja com você.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também curto muito o AJFA, mas gostei muito dessa música! kkkkk
      Obrigada e com você também ;D
      Bjjos

      Excluir
  2. Nao ouço muito Metallica, nao e porque sou fa do Megadeth, mais por costume mesmo kkkkk
    Mas essa musica e boa!
    Beeijos

    ResponderExcluir
  3. Essa musica e bem legal acho que vou ficar por aqui estrupando o replay hahah
    já estou seguindo aqui.

    cherrycharming2.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

*Obrigada pela visita!
-Se você tiver site, deixe seu link nos comentários, vou adorar conhece-lo!
-Volte sempre =D